24 setembro 2014

Para sempre



Lá na bienal eu fui em um sebo e escolhi um outro livro por R$10,00. Daí minha mãe me chamou e eu acabei largando o livro e quando voltei para pegá-lo alguém tinha o levado :(



Minha mãe mandou eu escolher um livro no mesmo preço e achei esse por R$8,00 e decidi pegar, mesmo ele sendo muito fininho.

Alguns dias mais tarde a Ana Paula Valadão, do Diante do Trono, disse no instagram que tinha lido e adorado a história e que era um belo testemunho e que tinham "excluído" Cristo na versão para cinema.

Decidi ler, como nunca assisti nem o filme não sabia do que se tratava, devorei o livro em três horas e meia e ele acabou virando um daqueles livros de cabeceira, realmente é um testemunho lindo e eu recomendo para todos que viram ou não o filme também lerem.


  • Sipnose:


A vida de Kim e Krickitt Carpenter conheciam mudou completamente no dia 24 de novembro de 1993, dois após seu casamento, quando a traseira do seu carro foi atingida por uma caminhonete que transitava em alta velocidade. Um ferimento sério na cabeça deixou Krickitt em coma por várias semanas.

Quando finalmente despertou, parte da sua memória estava comprometida e ela não conseguia se lembrar do seu marido. Ela não fazia a menor ideia de quem ele era. Essencialmente, a Krickitt com quem Kim havia casado morreu no acidente, e naquele momento ele precisava reconquistar a mulher que amava.

Para sempre é uma história verdadeira sobre a reconstrução de um casamento depois de um evento traumático que poderia ter feito a maioria das outras pessoas desistir, mas que para eles foi a chance de um novo começo.

  • Resenha:

Kim conhece Krickitt pelo telefone quando liga para uma loja de artigos esportivos para encomendar coisas para o seu time, ele é treinador do time de beisebol da Universidade Highlands, os dois sentem uma afinidade de cara.

Depois de ligar várias vezes usando a desculpa da compra apenas para falar com Krickitt os dois decidem se encontrar. Desde o inicio ela fez questão de deixar bem claro que era uma mulher de Deus e que a sua fé era mais importante do que tudo.

Depois de alguns meses Kim soube que aquela era a mulher de sua vida e a pediu em casamento, alguns meses mais tarde se casaram e ela se mudou para Las Vegas, no novo México, onde ele já morava.

Apenas dois meses após se casarem decidiram ir passar o dia de ação de graças na casa dos pais dela, em Phoenix, durante o caminho ele começou a sentir sintomas de gripe e no meio da viagem ela deitou no banco de trás e ela prosseguiu na direção.

Um caminhão veio em direção ao carro e quando ela tentou desviar, ao mesmo tempo uma caminhonete que vinha logo atrás se chocou atingindo o lado do motorista e fazendo o carro voar por trinta metros de distância.

Kim quebrou costelas e o nariz, mas permaneceu consciente, já Krickitt parecia morta e mais tarde descobriram que ela tinha um edema no cérebro e que a sua pressão arterial estava extremamente baixa, era impossível que ela sobrevivesse por mais do que algumas horas.

Quando os médicos disseram que era o fim, Kim e os familiares de ambos resolveram apelar para Deus, o único que poderia reverter aquilo.

Ela foi melhorando aos poucos e após algumas semanas saiu do coma, quando foram testar a sua memória ela soube responder quase tudo a não ser quem era o seu marido. Ela repetiu duas vezes que não era casada.

Tinha tido perda de memória recente, não se lembrava do homem que amava, o casamento estava prestes a acabar, mas será que a sua fé e o juramento que fizeram perante Deus poderia fazer reviver o amor dos dois?


Editora Novo Conceito
Kim e Krickitt Carpenter
Para sempre 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE A URL DO SEU BLOG. Ás vezes eu demoro para responder por conta da faculdade. Seja respeitoso, caso contrário, o seu comentário será excluído! Obrigada pela visita :)