13 fevereiro 2015

Hoje e o dia dele



O post de hoje é especial, hoje é o dia que o Thunder, esse labrador preto da foto, está fazendo nove aninhos!



Quando adotamos ele (porque comprar é uma palavra que não combina com filhotes, mas na realidade compramos), ele tinha dois meses, pesava 4 kg e púnhamos a sua cabecinha no nosso ombro e as patinhas traseiras chegavam na linha da nossa cintura.

Decidimos trazê-lo para a casa porque quando eu, que tinha 11 anos, passei pela frente da gaiolinha que ele estava ele começou a chorar, latir e bater com as patinhas no vidro.

Eu morria de medo de cachorro e labradores são os cachorros mais dóceis do mundo, é a raça recomendada para crianças.

Assim que chegou em casa começou a roer tudo, entrava embaixo das poltronas e saia com o enchimento na boca, rasgava nossas roupas, roía os meus brinquedos e fazia cocô no lugar errado e latia só pra gente correr atrás dele.

Depois de mais uns dias ele passou a roer paredes, cadeiras e uma vez rasgou um saco de ração de 15kg e comeu quase metade do pacote que estava lacrado.

Minha mãe estava fazendo um curso e chegava em casa tarde da noite e minha avó fez pastéis para ela, quando ela chegou só tinha sobrado o prato em cima da pia.

Também teve a vez que ele tinha seis meses e viu a minha avó se vestindo pra sair e quando a minha avó foi abrir a porta ele pegou impulso no corredor (que é bem comprido) e pulou nas costas dela. Ele rompeu os ligamentos do braço direito dela!

E isso é só uma minima parte do que ele aprontou, mas achamos que o nome dele tinha que ser Thunder (trovão em inglês) porque ele bagunçava tudo.

Mas também ele é incrível, parou de aprontar só depois de quatro anos de idade e cresceu muito para o padrão da raça, chegando aos 45kg e sendo magro (a raça cresce até 30/32kg).

Nesse incidente do braço quando ele percebeu que causou a dor na minha avó ele deitou do lado dela e ficou passando a cabecinha no colo dela.

Também teve uma vez que ela desmaiou e caiu no chão e quando eu vi, eu estava na rua quando ela caiu, ele estava em cima da cama tentando puxá-la pela roupa para cima da cama.

E uma das coisas que eu me emociono quando lembro é que no dia que a minha madrinha morreu eu não consegui dormir e fiquei escrevendo um textão (tipo aqueles quilométricos que se vê no facebook) com as últimas coisas que eu queria falar para ela e eu estava chorando muito e quando ele viu ele deitou no meu pé e ficou me observando e as vezes quando eu começava a chorar de soluçar ele me dava uma lambidinha na perna como se dissesse "Eu estou aqui".

Tem muitas coisas que eu passei na vida e só sei que consegui passar porque ele estava comigo, teve uma vez que eu tentei suícidio (dias depois do enterro da minha madrinha) e fiz durante a madrugada para que ninguém pudesse impedir.

Ele acordou a minha mãe e levou ela até o meu quarto onde eu estava desmaiada. Por esse caso também eu digo que ele é o meu anjinho peludo. Eu meio que devo a minha vida a ele depois que ele me salvou.

Tem gente lendo esse texto e me chamando de exagerada e dona de cachorro que vê onde não tem, mas eu não ligo, por esses motivos que eu contei eu comemoro cada aniversário dele como se fosse o primeiro (comemoro inclusive aniversário de mês, sou exagerada sim) e hoje eu decidi fazer uma homenagem pra ele aqui no meu cantinho e também dizer:

Se você pensa em pegar um filhotinho de labrador se prepare porque a sua casa vai parecer Hiroshima depois da bomba, eles demoram para amadurecer e ficam enormes. Mas as coisas que fazem por você mais tarde compensa cada coisa que ele destruiu antes.




Um comentário:

  1. PARABÉNS PRA ELE <3 <3 <3 <3 É um amor muito grande, né? Assim que me mudar da casa da minha mãe vou adotar (adotar mesmo auhsiauhs) um gatinho e um cachorro, pra minha bebê já crescer com esse amor com ela <3

    Post novo no blog, vamos? Peixinhos,
    Blog: Wow, Lovely!

    ResponderExcluir

DEIXE A URL DO SEU BLOG. Ás vezes eu demoro para responder por conta da faculdade. Seja respeitoso, caso contrário, o seu comentário será excluído! Obrigada pela visita :)