12 fevereiro 2016

Mães que não sabem educar




Se tem uma coisa que eu não entendo é como que tem mãe ruim por aí, que nem presta para educar o filho. Minha avó conta que a minha bisavó  batia nos filhos sempre que eles faziam alguma coisa errada.



Leia o post e comente sobre ele, caso contrário, o seu comentário será excluído.



Minha mãe conta que a minha avó dava uns bons tapas nela e eu só tomei três tapas na vida (pelo menos por parte da minha mãe) e depois disso eu nunca mais desrespeitei ela.



Esses dias eu fui ao supermercado e fiquei observando o quanto de crianças que estavam berrando. Um menino, numa tentativa desesperada de chamar a atenção da mãe jogou todas as compras no chão e a mãe só abaixava, pegava e colocava no carrinho, sem dizer uma palavra.



Quando fui ao banheiro eu encontrei uma garota berrando a plenos pulmões que não ia fazer xixi em um vaso sanitário onde pessoas desconhecidas também faziam e a mãe saiu do banheiro e colocou uma fralda na filha para ela poder fazer xixi.



Qual é o problema das mães atuais? Sinceramente, se é para ter um filho para criar dessa maneira é melhor não ter. Eu não sou a favor de espancar a criança até ferir, mas um tapa só para assustar nunca matou ninguém.



Parece que "ser mãe" não é mais algo natural, as mulheres esperam que as crianças venham com manual de instruções, caso contrário, elas não sabem o que fazer.



Eu li esses dias que existem escolas para mulheres aprenderem a educar seus filhos. Eu só acho que as mães que obedecem aos filhos estão criando futuros adultos que vão sofrer o triplo do que precisariam quando descobrirem que, diferente da "mamãe", o mundo não obedece as suas ordens.



Eu não sei onde que a sociedade vai parar daqui vinte anos, quando as crianças de hoje forem adultas. Para mim um tapa nunca fez mal e se não fosse a maldita da lei da palmada, não teríamos tantas crianças, literalmente, insuportáveis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE A URL DO SEU BLOG. Ás vezes eu demoro para responder por conta da faculdade. Seja respeitoso, caso contrário, o seu comentário será excluído! Obrigada pela visita :)