18 março 2016

Crianças que querem ser adultas


Oi gente, esses dias eu cheguei muito exausta do supermercado e liguei a televisão em qualquer canal quando eu vi uma reportagem que me deixou abismada: A musinha fitness.


Leia o post e comente sobre ele, caso contrário, o seu comentário será excluído.

Do que se trata? De uma menina de nove anos que idolatra a Juju Salimeni (acho que escreve assim) e vai para a academia todo santo dia fazer exercícios que são perigosos até para adultos.

A menina tem mais de VINTE E DOIS MIL seguidores no Instagram e a conta dela chegou a ser bloqueada porque homens/pedófilos ficavam falando putaria para a menina!

Outro exemplo é a Mc Melody e esses mini MCs que nem assistiram filme sobre sexo e já estão falando que vão dar para/pegar fulano de tal. Eu não sei, mas na minha época criança era criança.

A gente não tinha celular, tinha um tempo certo para jogar vídeogame e entrar na internet e quando entrávamos íamos no site da Barbie ou da Polly. Eu sei que redes sociais são uma febre, mas sem querer dar uma de "a psicóloga com 22 diplomas", elas também são prejudiciais.

Qual é o problema das crianças de hoje em dia que não sabem simplesmente pular corda e brincar de carrinho ou de Barbie? Que questionaram tanto o estereótipo da boneca que fizeram a Matel criar Barbies de todos os jeitos?

Eu  sempre fui gorda, mas nem por isso desenvolvi um complexo de ter o corpo igual ao da boneca, afinal ela é de plástico e eu sou de carne e osso!

Qual é o grande problema de colocar a criança no lugar de criança? Como minha mãe dizia e eu concordo: A única preocupação de criança é aprender o que ensinam na escola.
 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE A URL DO SEU BLOG. Ás vezes eu demoro para responder por conta da faculdade. Seja respeitoso, caso contrário, o seu comentário será excluído! Obrigada pela visita :)