28 março 2016

Glamourização do feminismo





Uns meses atrás eu publiquei o texto Por que eu não sou feminista e recebi muitas respostas negativas, como eu disse, o feminismo está em alta e todas as mulheres agora querem ser a feminista revolucionária do século XXI.


Leia o post e comente sobre ele, caso contrário, o seu comentário será excluído.


Quando eu era novinha, tipo 13, 14 anos, feminismo era bem diferente do que é hoje. Eu lembro que uma vez eu entrei em uma comunidade do orkut e vi duas mulheres segurando uma placa escrito: "Eu não vim da costela de Adão, eu saí do útero da minha mãe".

Ninguém admitia a existência de Deus e, para provar que eram mulheres, elas faziam xixi na rua, se masturbavam e tiravam fotos do ato e xingavam os homens.

Daí hoje eu vejo um conceito bem diferente de feminismo, me enviaram um email com cinco coisas que tornam uma mulher feminista e eu vi como houve uma glamourização do feminismo:

1) Você tem orgulho de ser mulher.

2) Você não concorda em ser tratada como um pedaço de carne.

3) Você quer igualdade no mercado de trabalho.

4) Você quer igualdade em um relacionamento.

5) Você quer ter direito á tudo o que os homens têm.

Tinha um tópico nessa comunidade que apoiava a homossexualidade para as todas as feministas porque, na concepção delas, quando você se apaixonava por um homem, automaticamente você era motivo de desorgulho para a comunidade.

As mulheres queriam ser maioria no mercado de trabalho para provar que eram superiores aos homens e, a partir do momento que você se orgulhava de ser mulher, você estava admitindo que que não era superior aos homens.

Sinceramente, eu não acredito que isso tenha sido uma mera evolução do movimento, não posso citar os motivos que me levam a crer que essa glamourização não foi á toa e eu, Tutty, me inspiro no que eu vi há dez anos atrás e mais uma vez afirmo: Eu tenho orgulho em não ser feminista.


2 comentários:

  1. Concordo plenamente ! Certa época eu apoiava o feminismo e até me considerava feminista. Mas atualmente vejo no feminismo muito radicalismo e desejo de superioridade ao invés de igualdade, isso fez com que eu me afastasse desse "titulo" . Acredito que o feminismo quando iniciou-se teve causas muito mais justificadas.
    Ótimo post.
    Beijos <3
    http://ideias-alternativas1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Tutty, se não fosse o feminismo, a mulher não poderia fazer nada a mais do que se dedicar em ser uma boa esposa, quiçá faculdade. O feminismo "real" apoia a igualdade entre os sexos! Obviamente existem pessoas que não entendem a idéia do movimento, e acham que feministas querem ser mais do que homens, mas isso não é a idéia central.

    ResponderExcluir

DEIXE A URL DO SEU BLOG. Ás vezes eu demoro para responder por conta da faculdade. Seja respeitoso, caso contrário, o seu comentário será excluído! Obrigada pela visita :)