31 agosto 2016

A garota do calendário - Janeiro



Oi gente, tudo bem? Hoje eu trago mais uma resenha e essa semana é de um livro que eu estava MUITO ansiosa para ler, infelizmente eu não gostei da forma como a autora narrou a história e ainda estou decidindo se vou ler o próximo volume.

Leia o post e comente sobre ele, caso contrário, o seu comentário será excluído

  • Resenha:

Mia Saunders tem 24 anos e um histórico amoroso horrível, ela se apaixonou por cada homem com quem fez sexo e o último era o agiota que agora está prestes a matar o seu pai e logo em seguida vai matá-la.

Em meio ao desespero, por conta de uma dívida de um milhão deixada por seu pai, ela decide fazer o inimaginável, se tornar acompanhante profissional na empresa da tia.

Fazer sexo não é obrigatório, mas cada vez que ela o fizer, vai ganhar R$20.000,00 a mais, então ela considera se prostituir. Seu primeiro cliente é um roteirista hollywoodiano, West Charles Channing III e a mãe do jovem que escolheu Mia.

O objetivo? Despistar as vadias que correm atrás do filho em cada evento social. Wes é um belo surfista e desde o primeiro momento que encontra Mia ele se mostra um perfeito cavalheiro.

A mansão dele é impressionante, ele pediu para designers fazerem vestidos maravilhosos para ela e, no início, ela já percebe que ficar sem fazer sexo com essa delícia será o verdadeiro desafio.

Logo na primeira noite ela vai para o quarto dele e ele dita as regras, sexo sem amor, sem que ninguém saiba e uma amizade colorida para durar pelos próximos 23 dias, período que ela será dele.

Será que Mia vai se arrepender de ter ido para a casa de Wes? Será que não vai rolar algum sentimento entre eles? Como será a despedida deles?

Audrey Carlan
Versus Editora
A garota do calendário - Janeiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE A URL DO SEU BLOG. Ás vezes eu demoro para responder por conta da faculdade. Seja respeitoso, caso contrário, o seu comentário será excluído! Obrigada pela visita :)