16 novembro 2016

O leão ferido


Oi gente, tudo bem? Eu gostei do terceiro livro da série Signos do Amor apesar de ter sentido um leve temor perante as atitudes do protagonista. Mia Sheridan mandou muito bem, mais uma vez, e eu estou bem triste porque já estou terminando a parte em português.

Leia o post e comente sobre ele, caso contrário, o seu comentário será excluído

  • Resenha:

Jake Madsen é um grande magnata de Nova York, dirige uma empresa bem sucedida e tem todas as garotas aos seus pés, mas a que lhe interessa nem percebe a presença dele. Mesmo assim ele a segue por todas as ruas de Nova York.

Seu primeiro grande amor, Evie, ele prometeu buscá-la quando completasse 18 anos, mas seus pais adotivos lhe planejaram um futuro e não deixariam que nenhuma garota o distraísse. Mesmo oito anos mais tarde, ele ainda lembra claramente da noite do seu primeiro beijo, enquanto ainda era Leo.

Agora ele a persegue pelas ruas e sabe a rotina dela de cor. Quando vai ao enterro de Willow, uma garota que foi irmã dele e de Evie no primeiro lar adotivo, os olhos dela reencontram os dele pela primeira vez depois de tanto tempo.

Depois do enterro, Jake perde o rastro de Evie e é surpreendido quando ouve a voz da amada perguntando porque ele a persegue. Não é evidente? Eles nasceram para ficar juntos e ele se importa muito com a segurança dela.

Prefere não assumir a identidade anterior à adoção, então fala que era amigo de Leo, que o enviou, pouco antes de morrer, para cuidar de Evie custe o que custasse. Ela tenta o dispensar, mas ele insiste e Evie acaba cedendo.

Ele é louco por ela e logo a chama para um primeiro encontro, ele quer possuí-la, mas não quer assustá-la, então apenas se beijam e a química entre os dois volta com força total. Ela se abre sobre como foi a sua infância díficil e conta como foi depois que saiu do orfanato, aos 18 anos e sozinha.

O coração dele dói porque ele quebrou uma promessa e imaginar passar pelo o que ela passou sozinha lhe machuca de um jeito imensurável. Uma das coisas ruins de ser empresário é que precisamos fazer sacrificios para manter os investidores felizes.

Jake tem um evento de caridade e vai levar Gwen como sua acompanhante, ela é filha de um grande investidor que também era amigo de seu pai adotivo. A loira é mimada e tem um cérebro, mas só sabe usá-lo para chantagem.

Jake quer que a noite termine logo para que ele possa voltar para os braços de Evie, mas encontra a amada antes do imaginado, ela é garçonete na festa essa noite e ele vê o olhar ferido dela quando vê Gwen. Ele perdeu todo o progresso que fizera.

Evie vai lhe dar uma chance de se explicar? Eles poderão ter aquele romance esperado por Leo pelos últimos oito anos? Quando ele vai revelar a verdadeira identidade?

Mia Sheridan
Editora Arqueiro
O leão ferido

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE A URL DO SEU BLOG. Ás vezes eu demoro para responder por conta da faculdade. Seja respeitoso, caso contrário, o seu comentário será excluído! Obrigada pela visita :)