31 março 2017

Desabafo de uma universitária desempregada


Deixa eu me apresentar antes de qualquer coisa: Sou uma feliz estudante de bacharelado em direito, atualmente estou cursando o 5º semestre e, inicialmente, eu escolhi o curso porque queria aprender a me defender nesse mundo cão.


Comecei o curso e logo, descobri que não só tinha aptidão para a área como também, descobri o prazer de estudar. Desde 2015 eu estudo seis horas por dia, todos os dias incluindo férias, feriados e finais de semana.

Almejo poder aplicar tudo o que aprendo dentro da faculdade, mas infelizmente eu só ouço "O mercado está saturado", "Você tem pouca experiência", "seu inglês não é fluente" e por aí vai.

Nessas eu já estou desempregada a um ano e, acredite, não é por falta de procurar e pedir estágio. Todo dia envio o meu curriculum vitae para uns nove escritórios, já fiz mais de dez provas para órgãos públicos nos últimos cinco meses e assinei todos esses sites de vagas.

Nesse tempo só fiz uma entrevista de emprego, os outros lugares sequer me enviaram um feedback. Vejo, também, colegas meus que são brilhantes, com currículos de causar inveja em qualquer um, na mesmíssima situação que eu.

Infelizmente nem todos nós tivemos dinheiro para cursar inglês e temos apenas o nível básico, tampouco temos culpa da saturação da área e todo dia me pergunto: Como podemos ter experiência se nem nos dão oportunidade?

Isso é para dizer o básico. Tem lugares que só contratam estudantes das faculdades de primeira linha, mas ao meu ver é o estudante que faz a faculdade e não o contrário.

Não vale mais ter um estagiário dedicado e pronto para aprender e encarar desafios do que aquele que vai para o estágio só pelo dinheiro? Aquela pessoa que estuda em faculdade de segunda linha, mas tem um histórico escolar não merece mais confiança do que aquele aluno de faculdade de primeira linha que só está lá para agradar o papai e a mamãe e tem notas medonhas?

Nós é que estamos cansados de ser desvalorizados, de viver em um país onde nome de faculdade vale mais que a qualidade do aluno, de ver o mercado de trabalho exigindo cada vez mais enquanto o país nos dá cada vez menos condição de valorizar nossos currículos!

Os empregadores que me desculpem, mas as vezes precisamos ouvir e ver a realidade por outros olhos. Coloquem-se no nosso lugar, nós só queremos ser os brilhantes profissionais de amanhã, mas como isso será possível se não nos dão oportunidade?

27 março 2017

Atualizando sobre a minha vida


Oi gente, tudo bem com vocês? Espero que sim, eu estou indo e, por mais que prometa que não voltarei, simplesmente não aguento ficar longe daqui, afinal esse é o meu porto seguro virtual.


Tenho que atualizá-los quanto á algumas coisas. A primeira e a mais importante delas é que o meu velho computador quebrou de vez, pois é, foi no final de fevereiro.

Levei para fazer o orçamento, mas sai demasiadamente caro para consertar um computador de 2001 (não escrevi errado, é 2001 mesmo, não 2011). Fiquei um mês sem computador até que a minha mãe concordou que eu usasse o dela.

Também consegui outra bolsa para fazer minha segunda iniciação científica pela faculdade, acreditem ou não vou tentar desenvolver duas esse ano. A outra é secreta!

Outra coisa que tenho que confessar é que eu, Tutty Lancellotti, me apaixonei por Harry Potter. Resolvi ler no fim das férias e agora só sei falar disso. Minha casa é Griffinória e meu patrono é um Husky. Três beijos, sociedade.

Próxima coisa que mudou e isso vai deixar muita gente boquiaberta é que eu desisti de ser juíza. Esse é aquele momento que vocês dizem: COMO ASSIM, SUA LOUCA?! Vai dizer que desistiu da faculdade também!".

Aconteceram muitas coisas na última semana e eu confesso que cheguei a imprimir o formulário para solicitação de trancamento de matrícula, mas no dia anterior ao que eu faria o requerimento eu percebi que ficar um semestre longe não me traria qualquer benefício.

Eu já passei por fases que se equiparam à atual e sobrevivi, estou sentimentalmente deficiente, mas estou aqui. Na manhã seguinte saiu a lista de aprovados para a iniciação científica e meu nome não estava lá.

Chorei no meio da aula, mas foi de soluçar, acho que nunca chorei tanto na vida. Nessa hora eu lembrei de Deus e pedi que ele me desse um sinal qualquer. Algumas horas mais tarde anunciaram que a lista estava errada e meu nome estava na nova lista!

Não é bem que eu desisti de ser juíza, mas resolvi me abrir para novas carreiras, tanto dentro como fora do ramo jurídico, e eu sei que se for para um dia eu ser Vossa Excelência vai acontecer, mas tudo no tempo Dele.

Por enquanto eu foquei na ideia de que "estou cursando direito para aprender me defender". Tudo além disso eu me preocupo outra hora. Outra novidade é que eu me resolvi com algumas pessoas.

Esses relacionamentos pendentes estavam me fazendo muito mal, então agora estou me sentindo muito mais leve e feliz. Também coecei a fazer uma especialização em country, sim, a gente já está ocupada e tem que assumir mais responsabilidades haha!

Por fim, não prometo voltar com o blog do jeito que era antes, mas vou entrar aqui e postar para vocês quando sentir vontade.

As postagens programadas continuarão saindo e tem muitas! Amo vocês, obrigada por me aceitarem de volta!

O que rolou no canal: Março de 2017



Olá pessoinhas, tudo bem? Então estamos na última segunda-feira de março e, finalmente, eu trago para vocês os vídeos que tiveram no canal nesse mês!










26 março 2017

Crer no final melhor



Todas as vezes que a tristeza bater a porta do seu coração, lembre-se do amor que um dia Jesus demonstrou por você.



Não permita que nada nesse mundo substitua a sua alegria de servir a Cristo, por mais que nesta vida terrena teremos aflições, nada se compara com as maravilhas que Deus tem reservado para a vida de quem permanece fiel até o fim.

Vale a pena você confiar em Deus e aguardar com esperança a alegria ninguém vai tirar de você. Naquele dia Deus enxugará dos olhos todas as lágrimas e não haverá mais dores, nem tristezas, com Cristo suportamos qualquer vento forte, pois temos a plena convicção que seremos vencedores nesta batalha.

25 março 2017

A garota do calendário - Junho

 

Olá pessoinhas, tudo bem com vocês? Hoje eu trago a resenha do sexto livro da série da Audrey Carlan. Não curti muito esse último livro, confesso, na verdade foi até meio maçante de se ler.


  • Resenha:

Nesse mês Mia vai para Washington ser acompanhante de Warren Shipley, um senador que necessita da sua companhia nos eventos sociais para fechar grandes negócios.

Assim que desembarca já recebe uma mensagem de Wes que lhe faz suspirar no carro, ela não sabe lidar com o seu ciúme. Chegando na mansão já encontra Aaron, o filho do senador, que é muito sexy.

A atração entre eles fica evidente quando ele se aproxima de Mia, até ela se impressiona. Então ela conhece o seu cliente, que é muito educado desde o começo e já diz que quando Mia não estiver em um evento ela tem o seu tempo livre.

Ela também conhece Kathleen, a governanta da casa que logo se dispõe para ajudá-la em tudo o que precisar. Então ela tem o seu primeiro evento pessoal, como se já não estivesse desconfortável o bastante, um homem se aproxima dela e pergunta de quem ela é.

Antes que possa responder qualquer coisa Warren se aproxima dela e deixa bem claro que ela é sua propriedade. Isso faz com que Warren e o homem fechem o primeiro negócio.

Mais tarde Wes chama Mia novamente e eles trocam mensagens quentes pelo celular, depois de ter um orgasmo incrível ela desce para tomar um lanchinho e encontra Kathleen com dois sanduíches na mão.

O primeiro segredo está desvendado: O velho Warren tem namorada e ela é Kathleen! Durante o mês Mia descobrirá muitos segredos em Washington, mas também um acontecimento mudará completamente a vida de Mia.

Audrey Carlan
Verus Editora
A garota do calendário - Junho

19 março 2017

Deus não tira, Ele livra



Recentemente eu conheci uma pessoa que só fala do ex namorado e da atual dele. Diz que ele é dela e só dela e que a atual é uma baranga.
 
     
Daí durante a conversa a pessoa vira e fala que ficou onze anos longe da obra porque ficava viajando com o cara pra todo lado.
     
Eu já passei por isso, eu era muito amiga de uma pessoa, daí ela me arrumou confusão e eu decidi me afastar. Mas mesmo a decisão sendo minha eu ficava murmurando.

Então eu percebi que só quando eu me encontrava com a pessoa eu bebia, fumava e falava muito palavrão. Tinha vezes que eu até pedia pra uma outra pessoa ir junto e a gente assistia filmes adultos juntos e nos divertíamos ali com as preliminares.
      
Com certeza aquela pessoa me afastava de Deus, essa semana a pessoa do ex namorado foi me colocar no meio de confusão e eu me afastei.
      
Mas fiquei chateada, afinal ela era a minha primeira amiga da igreja, ontem ela me procurou e perguntou porque eu tinha me afastado. 
     
Eu disse o motivo e sugeri que ela deveria fazer cura (é um culto que nos ajuda a abandonar todas as maldições) para esquecer o ex e seguir em frente na vida sentimental.
      
Meu santo Jesus, a pessoa falou uns novecentos palavrões, me mandou pro devido lugar e me disse que já estava na obra a sei lá quantos anos e que trabalhava no louvor a onze anos e que eu tinha acabado de chegar e além disso não tinha idade pra palpitar sobre "cocô" nenhum. 
     
Mas peraí? Primeiro ela não tinha dito que ficou onze anos afastada? O inimigo coloca pessoas ao nosso lado para acabar com a nossa fé e com o nosso ministério.
     
Se estamos em comunhão com o Pai ele nos revela quem são essas pessoas e nos livra dela, por isso eu dou glórias quando uma pessoa tira a fantasia de cordeiro e mostra a sua real face de lobo. 
      
Não murmure, agradeça. A cada uma dessas pessoas nós adquirimos mais experiência para lutar contra o inimigo e aprendemos o real significado de "Vigiai e orai".

Medite nesta palavra!

18 março 2017

Como se fosse magia



Olá pessoinhas! Tudo bem com vocês? Hoje temos a resenha desse livro que a Editora Gutenberg me enviou faz um tempinho, mas eu só consegui ler nas férias (que é quando eu estou programando essa postagem).



 

Me impressionei com a escrita da Bianca, nunca imaginei que uma história nacional fosse me envolver tanto assim. 

  • Resenha:

Eva Montenegro é uma escritora renomada e ama o que faz, autora de dez livros, ela foi para a cidade grande tentar dar certo e estava trabalhando numa lanchonete quando conheceu Thiago, hoje seu melhor amigo e agenciador.

Os dois fazem uma ótima parceria e, por isso, Thiago arranca Bianca de casa numa noite de sexta feira, pois toda vez que ela tem o coração partido ela escreve livros sensacionais e ela precisa escrever o último volume da sua série de fantasia em quinze dias.

Ela já está tentando vencer o seu bloqueio criativo a um ano, mas nada a faz embarcar novamente naquele universo paralelo criado por ela. Quando acorda com uma dor de cabeça fenomenal e um estranho ao seu lado Eva fica brava consigo mesma e decide procrastinar pelo resto do fim de semana.

Segunda feira ela tem uma reunião com a editora e com o Thiago e quando está indo embora do almoço um menininho segura a barra da sua saia e lhe pergunta "Você tem uma história para contar?". Eva fica impressionada, afinal essa é uma das primeiras cenas do primeiro livro da série que precisa finalizar.

Ela decide voltar para a casa de metrô e quando desembarca na estação para fazer baldeação ela vê uma menina com cabelo multicolorido que começa conversar com ela. O que torna Eva uma escritora tão especial é que ela vê e conversa com os seus personagens.

Quando sai do metrô e começa a caminhar rumo á sua casa, começa cair uma tremenda chuva e ela se esconde debaixo de um toldo. Em um beco, ali do lado, um rapaz está se escondendo da chuva também quando é assaltado, o bandido leva os seus pertences e bate nele até que o moço desmaia.

Eva decide chamar a ambulância, mas a bateria do seu celular termina. Então a menina dos cabelos multicoloridos ressurge e ordena que ela vá ajudar o moço de qualquer maneira, mas quando a escritora se aproxima do homem ela é que tem uma grande surpresa.

Bianca Briones
Editora Gutenberg
Como se fosse magia 

12 março 2017

Sinceridade na oração



Deus não espera que sejamos perfeitos, até porque quando se trata de seres humanos a perfeição não existe. O máximo que se pode ter é 99,9%, nunca 100%.


Uma oração chega ao coração do Pai quando ela é coberta de sinceridade. O seu clamor parece ter mais unção, você se sente como se estivesse abraçando Deus.
   
Não importa qual o teu pecado, a tua vontade, confesse e peça para ele te ajudar pois tudo podemos naquele que nos fortalece!
    
Esse tipo de oração deve ser feita quando estamos sozinhos, no nosso intimo, acredite, muitas vezes uma oração sincera vale muito mais do que aquela cheia de artifícios
     
Senhor, hoje eu roubei uma bala em um bar. Não importa qual o delito, qual a causa do desespero, não importa se é algo pequeno ou grande. 
     
Porque o sangue de Jesus foi derramado na cruz, hoje podemos ter uma relação de pai e filho com Deus e devemos desfrutar disto, pois toda a intimidade que tiver com ele aqui continuará após a morte. 
    
Afinal não levamos nada, apenas os nossos ensinamentos no nosso tempo na Terra e a nossa relação com o Rei dos reis.

11 março 2017

Á sua espera


Olá pessoinhas, essa semana tem mais uma resenha da série Rosemary Beach e dessa vez é a história de Mase Colt Manning e Reese.



Mase é o filho mais velho de Kiro, o vocalista da banda Slacker Demon, essa história tem um segundo volume, mas ainda não tem previsão de lançamento no Brasil.

  • Resenha:

Reese tem medo das coisas que seu padrasto faz com ela e, apesar de ser odiada por todos, a sua mãe é a sua salvação, mas hoje ela voltou da biblioteca cedo demais e ele vai fazer aquilo com ela novamente.

Quando a sua mãe entra em casa e vê o marido estuprando a filha ela diz que Reese é uma puta que seduziu o seu homem e a expulsa de casa.

Mase aproveitou que a meia irmã, Nan, está em Paris e foi para Rosemary Beach ver Harlow, sua irmã caçula, e ver Lila Kate, sua sobrinha. Ele está hospedado na casa de Nan quando é acordado por alguém cantando muito mal.

Ele levanta e desce as escadas seguindo o som medonho, mas quando a vê o tempo para por um instante. Aquela mulher é incrível e Mase perde toda a vontade de brigar com ela.

Reese está tão envergonhada por ter acordado o dono da casa, nos últimos dois anos trabalhando como empregada nas mansões de Rosemary Beach isso nunca tinha acontecido.

Para evitar um novo acidente ela vai limpar a sala de jogos, sobe em uma cadeira e começa a limpar a janela quando o seu celular toca e quando ela vai atender ela se desequilibra e cai em cima de um espelho.

Quando Mase vê aquela mulher toda cortada ele vai levá-la ao hospital e quando a leva em casa percebe que ela é diferente.

Reese trabalha para Harlow e Grant Carter e adora essa casa e, apesar da mão cortada, ela decide não faltar com a sua obrigação, ainda mais porque ela sabe que vai ter que pagar um novo espelho á Mase e todo lucro já ajuda.

Enquanto está limpando a casa de Harlow e tentando tirar Mase da sua cabeça eis que o cowboy entra na casa da sua patroa e ela fica envergonhada por estar trabalhando.

Quando Mase vê Reese trabalhando ele sente vontade de chorar por ver aquela mulher não podendo ter o seu merecido descanso. Chama Harlow e fala sobre a mão de Reese e a sua irmã caçula exige que ela pare de trabalhar e venha tomar um café.

Assim Reese descobre que Harlow e Mase são irmãos e filhos de Kiro Manning, o vocalista da Slacker Demon, e na hora ela percebe que terá que controlar o seu sentimento por Mase porque ela não pertence a aquele lugar.

Quando eles estão no carro, porque Mase insistiu em levá-la para casa, ele recebe uma ligação e quando pede para Reese anotar um endereço ela entra em pânico e não consegue fazê-lo.

Mase decide ajudar Reese e contrata um dos maiores especialistas em distúrbios de aprendizado, que logo diagnostica que ela sofre de dislexia.

Ele precisa voltar para o Texas, mas promete ligar para Reese toda noite e ela começa as aulas de alfabetização com o especialista e um dia enquanto está falando com Mase há um tiroteio na porta de seu apartamento.

Assustada, ela deita atrás do sofá e Mase a acalma, depois dessa desgraça o seu vizinho, Jimmy, decide tirar uma semana de férias, mas, á pedido de Mase, arruma uma carona para ela.

Thad vai levá-la aonde precisar pelo resto da semana e quando ele a convida para um encontro Reese aceita porque precisa esquecer que sente algo a mais por Mase.

Quando Mase fica sabendo do encontro ele pega o jatinho particular do Slacker Demon e vai para Rosemary Beach impedir que o encontro aconteça, ali ele percebe que a ama.

Reese está se preparando para o seu encontro com Thad quando a campainha toca e ela decide que vai esquecer Mase de uma vez por todas.

Abbi Glines
Editora Arqueiro
Á sua espera

10 março 2017

Tipo essa



Olá pessoinhas, hoje eu vim falar de um projeto que eu conheci pelo Pinterest, mas o sucesso deles já está indo para além do Brasil! A proposta do "Tipo essa" é tipografar as letras daquelas músicas que a gente ama e têm dado muito certo.



Alguns dos pôsteres que eu disponibilizei aqui são deles e as imagens (perfeitas) servem como plano de fundo do celular, pôster e dá até para mandar fazer capinhas de celular! Vale muito o seu clique se você ama música!








08 março 2017

Lorrine Mondin


Olá pessoinhas, tudo bem? Hoje eu vim recomendar o canal da Lorrine Mondin, eu amo os vídeos dela, a youtuber tem um jeitinho todo especial de gravar e produzir os vídeos e os temas tratados são realmente úteis!





06 março 2017

Nosso foco



Texto base: Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas. (Mateus 6:33)

Muitas pessoas acreditam que estão focadas em Deus e no seu reino enquanto na verdade a sua mente está mais concentrada em outras coisas.



Antigamente, ao acordar, a primeira coisa que ela fazia era uma oração e lia um capitulo da biblia, hoje em dia ela faz isso antes de deitar, quando já está cansada e preocupada com o dia seguinte.

Para sermos uma árvore frutífera precisamos entregar a nossa primicia para Deus e crer que, uma vez, que o nosso foco é Ele, as outras coisas não nos importam mais.

Quando estamos entregues, nos tornamos dependentes, como um bebê é do seu pai e do mesmo jeito como um pai cuida de tudo para ele, assim é Deus.

Ore mesmo que seja por apenas cinco minutos, leia a biblia nem que seja um único versículo e verá a mão de Deus em todas as áreas da sua vida.

Inclusive você chegará mais facilmente ao seu objetivo, que antes era o seu foco, e com Ele ajudará outras almas a conhecerem o poder e o amor de Deus.