23 setembro 2017

Tá gravando, e agora?


Oi gente, tudo bem? Hoje eu estou aqui para fazer a resenha de um livro que eu só li porque a minha amiga insistiu que ele seria ótimo para mim, mas, novamente, faço a crítica: É por causa desse tipo de livro que a literatura brasileira está se tornando um belo lixo!

Sim, a Kéfera tem muitos seguidores e tem muita gente que só pegou o gosto pela leitura por conta dos livros dela, mas isso é lamentável ao meu ver. Esse livro é fino, cheio de capítulos pequenos e lotado de ilustrações.

Enfim, depois desse meu breve desabafo, vamos á resenha dele. Não tenho nada contra a pessoa Kéfera Buchmann, mas acho que ela não deveria escrever livros antes de adquirir o mínimo de cultura.

Pode deixar o seu haterismo aí embaixo, mas isso só significa que você é um fã alucinado e nunca leu um livro de qualidade! Leia livros de verdade, não esse rascunho mal feito que a editora publicou só pensando no lucro.

  • Resenha:

Kéfera era uma adolescente de 17 anos esperando o seu ano chegar. Ela estava no ano pré vestibular e sempre quis gravar vídeos, mas nunca teve coragem ou grandes ideias de temas.

Até que numa madrugada ela ouve um vizinho tocando vuvuzela e decide falar sobre isso no seu primeiro vídeo, sobre aquele barulho irritante.

Depois de muito enrolar ela colocou a sua câmera em cima de uma pilha de livros e começou falar. Falou por mais de uma hora sobre vuvuzela e, na hora de encerrar o vídeo, ela falou que o nome do canal seria Cinco Minutos.

Mas falar é mais fácil do que fazer, o domínio Cinco minutos já estava criado, então ela tentou 5 minutos, cinco_minutos, até que teve a ideia de 5inco minutos!

No livro ela ensina que não existe uma fórmula mágica para o sucesso, mas dá várias dicas para você se dar bem na internet, seja qual for o tipo de conteúdo que produza!

Kéfera Buchmann
Editora Paralela
Tá gravando, e agora?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE A URL DO SEU BLOG. Ás vezes eu demoro para responder por conta da faculdade. Seja respeitoso, caso contrário, o seu comentário será excluído! Obrigada pela visita :)